Projeto de Estações de Medição de Óleo e Gás Natural | Curso - UnIBP

Sobre o curso

Sobre o curso

O projeto de uma estação de medição para hidrocarbonetos líquidos e gasosos tem diversas particularidades principalmente quando o objetivo é o atendimento aos regulamentos técnicos de medição aplicáveis para a apuração de royalties e participações especiais ou meramente para valoração dos produtos para efeito de transações comerciais.

Assim o curso foca em quatro grandes temas:

  • Conceitos aplicáveis à medição fiscal (impostos) e transferência de custódia (posse),
  • Regulamentação aplicável ao Brasil e definida pela ANP e o INMETRO
  • Requisitos metrológicos que devem ser atendidos pelas estações de medição nessa aplicação e os diversos aspectos que devem ser considerados na gestão dos projetos considerando a execução das disciplinas de processos, instrumentação, automação, mecânica, tubulações, elétrica e civil.

Ao final do curso, o aluno será capaz de gerenciar as diversas fases do projeto de construção de estações de medição de hidrocarbonetos líquidos e gasosos,  planejar as ações necessárias para a implementação desses projetos e controlar o desempenho das ações planejadas com o objetivo de maximizar os resultados.

A UnIBP é a universidade setorial, criada para contribuir com o desenvolvimento da indústria de Petróleo e Gás em suas principais necessidades e no tempo do negócio. Se você já atua na indústria ou pretende investir em uma carreira no setor, está no lugar certo.

Confira esse e outros programas de educação continuada da UnIBP.

Oferecemos ainda a flexibilidade de realizar cursos em diversos formatos: presencial, semipresencial, in company, ensino a distância, MBA ou especialização. Verifique as modalidades disponíveis e ingresse na UnIBP. A única formação com a qualidade IBP – Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás.

Programa Técnico

• Objetivos das Estações de Medição
• Normas, Regulamentos e Procedimentos
• Medição Fiscal e a ANP
• Estrutura Metrológica no Brasil
• Categorias de Medição
• Medição Mássica e Volumétrica
• Medição em Energia
• Medição Acumulada e Totalizada
• Características do Escoamento
• Computador de Vazão
• Estações de Medição

• Processo de Medição Fiscal
• Etapas
• Conceito do Nó de Medição
• Validação da Produção de Óleo
• Validação da Produção de Gás Natural
• Validação da Produção de Cada Poço
• Infração
• Regulamento Técnico de Medição
• Histórico
– Abrangência
– Aplicabilidade dos Sistemas de Medição
– Condições de Referência
– Sistemas de Unidades
– Normas, Regulamentos e Procedimentos
– Sistema de Gestão
– Procedimentos para o Projeto, Instalações e Operação
– Verificação Inicial
– Operação dos Sistemas
– Falhas
• Tipos de Sistemas de Medição
– Petróleo e GNL em Tanques
– Multifásico
– Água
– Petróleo em Linha
– Gás Natural em Linha
• Sistemas de Amostragem
• Calibração e Inspeção Dimensional
• Relatórios de Medição
• Inspeções e Fiscalizações
• Análise de Incerteza

• Estações de Medição
– Introdução
– Requisitos Gerais do Sistema
– Normas Básicas
• Medição da Vazão
– Tecnologias Aprovadas
– Campo de Operação
– Faixa de Medição
– Classes de Incerteza
– Arquitetura das Estações
– Requisitos da Instalação
– Ultrassom
– Coriolis
– Turbina
– Deslocamento Positivo
– Seleção da Tecnologia
• Computadores de Vazão
– Funcionalidades
– Características
– Algoritmo
– Aprovação de Modelo
– Banco de Dados
• Medição de BSW
– Medição por Amostragem
– Medição em Linha
• Sistemas de Amostragem
– Objetivos da Amostragem de Óleo
– Características Gerais
– Amostragem Manual
– Amostragem Automática
– Periodicidades da Amostragem
– Normas Aplicáveis
• Sistema de Medição de Pressão e Temperatura
– Características Gerais
– Medição de Temperatura
– Medição da Pressão
• Sistemas de Calibração
– Aspectos Gerais
– Calibração do Medidor de Operação
– Laboratórios de Calibração para Óleo
– Certificado de Calibração de Vazão em Laboratório
– Sistemas de Calibração no Campo (Provadores, Master Meter, Tanque Calibrado)
– Calibração do Medidor Padrão de Trabalho
– Certificado de Calibração de Vazão no Campo
– Calibração dos Medidores de Pressão
– Calibração dos Medidores de Temperatura
– Calibração de BSW
– Análise do Certificado
– Periodicidades no Mercado de O&G
• Medição de Água
– Abrangência
– Tecnologias
• Avaliação da Incerteza
– Introdução
– Incertezas da Vazão
– Incertezas da Temperatura
– Incertezas da Pressão
– Incertezas da Densidade
– Incertezas do Fator do Medidor
– Cálculo da Incerteza do Sistema
• Sumário da Aplicação

• Estações de Medição
– Introdução
– Requisitos Gerais do Sistema
– Normas Básicas
• Medição da Vazão
– Tecnologias Aprovadas
– Campo de Operação
– Faixa de Medição
– Faixa de Medição
– Faixa de Medição
– Placa de Orifício
– Ultrassom
– Coriolis
– Turbina
– Seleção da Tecnologia
• Computador de Vazão
– Funcionalidades
– Sequência de Operações
– Algoritmo
– Aprovação de Modelo
– Banco de Dados
• Cromatografia
– Introdução
– Obtenção da Densidade e Composição do Gás
– Princípio da Medição em Linha
– Sonda de Amostragem
– Gás de Arraste e Gás de Calibração
– Detectores
– Sistema de Analise (Shelter)
– Aprovação de Modelo
• Sistemas de Amostragem
– Características Gerais
– Periodicidades da Amostragem
– Normas Aplicáveis
• Sistemas de Medição de Pressão e Temperatura
– Características Gerais
– Medição de Temperatura
– Medição de Pressão
• Sistemas de Calibração
– Aspectos Gerais
– Calibração do Medidor de Operação
– Calibração dos Medidores de Gás
– Certificado de Calibração de Medidores de Gás
– Sistemas de Calibração no Campo
– Calibração do Medidor Padrão de Trabalho
– Certificado de Calibração do Medidor Padrão de Trabalho
– Calibração de Pressão
– Calibração de Temperatura
– Inspeção Dimensional
– Análise do Certificado
– Periodicidades de Calibração no O&G
• Medição de Gás Queimado
– Introdução
– Características da Medição
– Tecnologias de Medição
– Calibração
• Avaliação da Incerteza
– Introdução
– Incertezas da Vazão
– Incertezas da Temperatura
– Incertezas da Pressão
– Incertezas da Pressão Diferencial
– Incertezas do Diâmetro da Linha
– Incertezas do Diâmetro do Orifício
– Incertezas do Fator de Expansão
– Incertezas do Coeficiente de Descarga
– Cálculo da Incerteza do Sistema
• City-Gates e Estações de Medição e Regulagem
– Mercado de O&G
– Distribuição de Gás
– Esquema da City-Gate
– Esquema das Estações de Medição e Regulagem
• Sumário da Aplicação

• Escopo e Fases do Projeto
– Fases do Projeto
– Metodologia FEL
– Tipos de Projetos
– Projeto Conceitual
– Projeto Básico
– Projeto Detalhado
– As Built
• Disciplinas em Projetos
– Introdução
– Processo
– Elétrica
– Utilidades
– Civil
– Mecânica
– Tubulação
– Instrumentação e Automação
• Especificação dos Instrumentos e Medidores
– Uso em Área Classificada
– Proteção ao Ambiente
– Tubulação
– Conexões de Processo
– Tipos de Montagem
– Resistência à Corrosão
– Suprimento Elétrico e de Ar
– Aterramento
• Construção, Montagem e Entrega
– Gestão de Projeto
– Aspectos Contratuais
* Dúvidas e Esclarecimentos
* Comprometimento com as Especificações
* Suprimento
* Sistema de Qualidade
* Inspeções e Verificações
* Riscos
– Execução do Projeto
* Tipo de Fornecimento
* Documentação para Aprovação
* Comissionamento
* Embalagem e Transporte
* Sobressalentes
* Conteúdo Local
– Treinamento
• Conceitos Básicos de Automação
– Automação Industrial
– Representação de Malhas
– Sistemas de Controle
– Controladores
– Conectividade
* Evolução da Automação
* Redes Digitais
* Protocolos
* Modbus
* HART
* Profibus DP
* Profibus PA
* Fieldbus Foundation
* OPC
* Wireless

• Codificação dos Documentos
• Dados Iniciais do Projeto
– Block Flow Diagrams
– Process Flow Diagrams
– Mass and Energy Balances
– Layout dos Equipamentos
– Classificação de Área
• Requisitos da Engenharia de Processos
– Esquemático da Malha
– Condições de Operação das Linhas
– Arquitetura Geral do Sistema de Medição
– Especificações Técnicas
– Dados dos Sistemas de Medição
• Requisitos da Instrumentação e Automação
– Localização das Estações de Medição
– Arquitetura do Sistema de Automação
– Diagrama de Malha
– Diagrama de Causa e Efeito
– Lista de Instrumentos e Medidores
– Folha de Dados
– Memoriais de Cálculo
– Diagramas Lógicos
– Lista de Entradas e Saídas
– Lista de Alarmes
– Projeto de Painel
– Projeto da Sala de Controle
– Típicos de Instalação
– Requisição de Materiais
– Critérios de Projeto
* Normas
• Estação de Supervisão
– Introdução
– Funcionalidades
– Base de Dados da ANP
– Relatórios
– Banco de Dados
– Sincronização de Relógios
– Telas
• Requisitos da Mecânica e Tubulações
– Atividades
– Normas
– Arranjo Geral
– Planta Baixa
– Visão 3D
– Projeto dos Componentes
– Spools e Nuvem de Pontos
– Isométrico
• Requisitos da Elétrica
– Atividades
– Normas
– Projeto do Painel
– Diagramas Elétricos
– Lista de Cabos
– Projeto de Aterramento
– Projeto de Encaminhamento de Cabos
– Classificação de Área
* Aspectos Gerais
* Prova de Explosão
* Intrinsecamente Seguro
– Proteção ao Ambiente
• Requisitos da Civil
– Atividades
– Normas

Professores

OUTRAS INFORMAÇÕES

O que o curso inclui?

Material eletrônico
Certificado de conclusão

Como obter o certificado

Frequência mínima exigida: 75% da carga horária total do curso
Prazo de entrega: em até 30 dias úteis após a conclusão do período letivo

VANTAGENS DE ESTUDAR NA UnIBP

Inteligência Setorial

Professores de Destaque

Aprendizagem Aplicada

Educação Flexível

Empreendedorismo

Perguntas Frequentes

A Educação do IBP, agora é UnIBP. A Universidade do setor de Petróleo, gás e biocombustíveis que tem por objetivo desenvolver as competências essenciais dos profissionais dessa indústria e assim colaborar para a promoção de um setor competitivo, sustentável, ético e socialmente responsável.
A universidade setorial é a ampliação do já conhecido conceito de universidade corporativa. Nesse sentido, a UnIBP surge como a universidade do setor de petróleo e gás, oferecendo aprendizagem continuada para aqueles que atuam ou desejem migrar/atuar na indústria. Sendo assim, diferentemente de uma universidade corporativa, que tem como objetivo a qualificação do público interno de acordo com a cultura de uma determinada empresa, a UnIBP surge para desenvolver as competências essenciais para o profissional do setor de petróleo e gás, focando, portanto, em um público externo.

Toda a estrutura pedagógica da antiga área de Educação foi reformulada, de forma a atender as necessidades atuais da indústria de Petróleo, Gás e Biocombustíveis. Isso significa dizer que todo o ambiente de aprendizagem foi repensado, para que a UnIBP atue de maneira pró-ativa, centralizada e estratégica para o setor, sendo capaz de desenvolver competências críticas para o negócio das empresas e profissionais que fazem parte das diversas etapas dessa cadeia produtiva.
Desenvolvemos uma metodologia pedagógica estruturada, possibilitando que os alunos tracem seu caminho de carreira com o apoio da UnIBP e que desfrutem de uma Experiência eficiente, moderna e dinâmica. A partir do agrupamento da indústria de petróleo e gás em diferentes blocos, a Universidade se divide em cinco escolas que irão oferecer cursos técnicos e não-técnico: E&P, Midstream e Downstream, Gás e Energia, Tecnologia e Inovação e Escola de Negócios.

1. Inteligência setorial
2. Professores de destaque no setor
3. Aprendizagem aplicada
4. Educação flexível
5. Empreendedorismo
6. Comunidade Alumni
7. Ética, Transparência e Compliance

5 escolas refletem os principais pilares essenciais para o funcionamento da nossa indústria hoje. Cada uma tem foco e objetivo bem definidos, de forma que todos os macroprocessos do setor se acomodam dentro dessa estrutura.

Apresentam as diversas áreas de atuação profissional que compõem a atividade do setor. Permeiam a estrutura das escolas de acordo com as necessidades reais da indústria.

Na UnIBP, cada profissional encontra um currículo modular com o mapeamento de todos os desafios que irá encontrar em sua trajetória profissional e com as soluções educacionais que apoiarão o seu desenvolvimento ao longo do tempo.

Ainda está com alguma dúvida?

Problemas com seu pedido? Não localizou nas perguntas frequentes a solução? Esse espaço foi criado para responder o que você não encontrou e receber suas sugestões.

Talvez você também goste

RECEBA TODAS AS NOVIDADES DA UnIBP

Ao clicar no botão "Enviar", você está concordando com os Termos e Condições da UnIBP.
* Todos os campos acima são obrigatórios.